topbanner
Conteúdo Principal
Marinha Portuguesa - Instituto Hidrográfico

O estudo dos fluxos sedimentares dos rios

O estudo dos fluxos sedimentares dos rios para os estuários/litoral e, eventualmente, para a plataforma continental é fundamental para compreender os aspetos relacionados com a evolução da área costeira. Presentemente, o Litoral Português apresenta uma tendência regressiva, com cerca de um quarto da sua extensão em intensa erosão. Neste contexto, a quantificação e qualificação das trocas sedimentares atuais entre as fontes continentais, sejam elas o fornecimento através dos estuários ou a erosão costeira, e a plataforma continental são cruciais para determinar os efeitos reais da implementação de ações de gestão. Para fazer face a este problema, em especial os relacionados com o fornecimento estuarino, são necessárias soluções pragmáticas de avaliação e monitorização, sendo que a compilação de dados previamente adquiridos tornou-se uma prioridade para estabelecer o atual regime de dinâmica sedimentar nestas áreas de transição. Contribuindo para o estudo dos processos envolvidos nestes sistemas costeiros, e marcando o inicio de uma linha de investigação inovadora no IH e de extrema importância para o desenvolvimento das Ciências do Mar, foram publicadas na mais recente revista científica internacional de Open AccessCoasts” (https://www.mdpi.com/journal/coasts) as duas partes de um estudo que visa caracterizar os padrões de transporte sedimentar entre os estuários dos Rios Minho e Douro e a Plataforma Continental/Litoral Norte Português. Estas duas publicações, da autoria de Ana Isabel Santos, Anabela Oliveira, Dora Carinhas e José Paulo Pinto do Instituto Hidrográfico e da Prof. M Conceição Freitas da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, foram baseadas em séries temporais de dados correntométricos e sedimentares colhidos em ambos os estuários entre 2005 e 2007. Os trabalhos podem ser consultados on-line, em regime de acesso livre, nos seguintes links:

 

Parte 1: Hydrodynamic and Sediment Transport Patterns in the Minho and Douro Estuaries (NW Portugal) Based on ADCP Monitoring Data: Part 1-Tidal Sediment Exchanges - https://www.mdpi.com/2673-964X/1/1/3/htm

 

Parte 2: Hydrodynamic and Sediment Transport Patterns in the Minho and Douro Estuaries (NW Portugal) Based on ADCP Monitoring Data: Part 2—Statistical Interpretation of Bottom Moored Datasets - https://www.mdpi.com/2673-964X/1/1/4/htm

 

O estudo dos fluxos sedimentares dos rios
  2021-12-09    64 / 63 / 135291;